Terça-feira, 2 de Novembro de 2004

Dúvida: Sou portador da hepatite B.... É possivel ter a "C" também?

«Ex.mo Senhor.

Vindo hoje para o emprego, li uma notícia mt interessante no Correio da Manhã sobre a Karen Ribeiro (grande corajem) e o seu Blog. Despertou-me para um problema em que só eu poderei dar passos.

Tenho 41 anos e tenho Hepatite B há cerca de 20 anos (nunca criei anti-corpos). Contraí a doença através de seringas infectadas, pois fui toxicodependente até aos 30 anos.
Recentemente na médica da caixa fui informado (há cerca de um mês) que tb teria a C. Fiquei preocupado, mas muito na duvida; No início da doença, estava na tropa tendo sido internado no Hosp. Militar e feito inúmeros testes nomeadamente uma biópsia. Quando saí, ainda fui a algumas consultas à clinica do Prof. Machado Caetano (foi durante algum tempo responsavel pelo Instituto da SIDA em Portugal), mas como aparentemente me ia sentido bem deixei de ir (tb era mt caro...). Entretanto venho fazendo análises mais ou menos anualmente, em que os valores das Transaminases pouco ultrapassam o normal.
Resta informar que sou casado, com dois filhos (12 e 2 anos) ambos vacinados. Faço vida completamente normal, inclusive BEBO (apesar de saber q não o deveria fazer).

Foi-me aconselhado pela médica da caixa uma consulta de Gastro, tendo-me passado uma credencial para a poder marcar. Pergunto, em que Hospital me aconselha a marcá-la? Será possível, ter neste momento tb a "C"?»

MEU COMENTÀRIO: Com relação à Hepatite B ainda tenho poucos conhecimentos, embora vá aprendendo alguma coisa com alguns companheiros, também portadores que vêm aqui no blog. Mas independentemente disso, acho que deve sim ir à consulta, para avaliar a questão da Hepatite C, pois infelizmente a co-infecção ( B e C) existe. Se mora em Lisboa normalmente os Hospitais de referência são Santa Maria e o Egas Moniz. Há outros também referenciados no Blog. Eu, no meu caso, tratei-me no Hospital de Cascais.

Deve afastar-se do álcool e fazer o tratamento, caso os médicos especialistas determinem, pois há possibilidade de cura ou de estabilização a evolução de algum possível dano hepático. Lembre-se que a Hepatite C é assintomática. O facto das suas transaminases não serem altas é irrelevante, pois no caso da Hepatite C, muitas vezes as transaminases variam muito. Boa sorte e força !

Val Neto

NOTA : Eu já havia respondido, em privado, a esse leitor e recebi o seu e-mail de volta:

«Antes de mais queria agradecer os seus esclarecimentos.

Quanto à publicação, tudo bem. Prefiro é ficar anónimo, pois sabe como são determinadas pessoas infelizmente. Terei pois de esconder esta situação.

Entretanto, já liguei para o Hosp Egas Moniz, e consultas só la para o ano que vem. É assim... Vou tentar o St.Maria.

Mais uma vez, o meu obrigado e um abraço.»

publicado por ValNeto às 22:47

link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 3 de Novembro de 2004 às 09:24
Tambem sou portadora da B já vai para 10 anos e tenho vindo a ser acompanhada no HGO em almada pelo Drº João Freitas que me parece um exelente médico pode tentar lá uma consulta,Boa Sorte. MM
</a>
(mailto:)

Comentar post